Siga o Boia

Receba atualizações do nosso blog.

Junte-se a 7 outros assinantes
Seguir
Categorias
Uncategorized

Boia 142

Taylor Knox ladeira abaixo para embolsar US$ 50.000!

142

A mesa está posta no seu episódio/botequim.

Bruno Bocayuva, João Valente e Júlio Adler servem acepipes de variados sabores e sentam-se à mesa aguardando a sua companhia numa cadeira vazia na cabeceira.

Petiscamos alegremente enquanto o calendário lembrava da bomba do Taylor Knox em Todos Santos, 1998, durante um evento histórico, Bruno estava lá e conta o que só ele testemunhou.

A falta que faz um baterista povoa o almanaque e nos leva até a cerimónia do Oscar, com escalas em Israel.

Se existe algo que o Boia não respeita é hierarquia e pautas!

Boia 239 Boia

Ladeira abaixo ? Nem terminou ainda a etapa de Sunset e o Boia desce ziguezagueando com a gunzeira, desviando dos clichês e evitando os quebra-molas. Bruno Bocayuva, João Valente e Júlio Adler trazem nesse episodio, o Almanaque com a nova obra do inquieto e genial Loïc Wirth, Imagem falada com Gary do Kong e papo reto de Paumalu, JJF na quilha, Robbo na borda, KS no fundo e Italo na brutalidade. A sonzeira fica com Andy Bey e Celestial Blues, Comin' Thru e Chali 2na, terminando com Durand Jones & The Indications e Love Will Work It Out. Última paradinha, meu camarada, usa o código, boiapodcast30 e ganhe 30% de desconto na South To South no https://www.southtosouth.com.br/ — Send in a voice message: https://podcasters.spotify.com/pod/show/boia/message
  1. Boia 239
  2. Boia 238
  3. Boia 237
  4. Boia 236
  5. Boia 235

Para fazer um PIX, aponta a câmera do telefone e larga o dedo!

28 respostas em “Boia 142”

Meu gosto musical na adolescencia foi muito pelos videos do Taylor steele e principalmente pelos da lost (55×14 redux e lsot across america…música brasileira sempre ficava em segundo plano com exceção do rap, levei tempo pra aprender a apreciar. Abraço

Salve! Sou de uma geração anterior, mas também fiquei bloqueado para pérolas da música, não só do Brasil mas do mundo todo. A maturidade desbloqueia várias travas na nossa vida. Aloha!

Como sempre o boia 142 foi muito bom, o que mais gosto neste podcast é o papo não só sobre surf, mas uma cultura geral, e surf, música, opinião, e sempre falando dos primórdios do surf, eu com meus quase 60 anos, surfando desde os 16 anos, é como relembrar de algumas histórias, parabéns e continuem sempre, abraços

Me lembrei da minha experiência com a droga do Michael Jackson, num procedimento de endoscopia… rapaz, maravilhoso!!!! Um Erdadeiro nirvana! Parada perigosíssima, meninos!

Muito bom, tenho 24 anos e comecei a surfa com 20,muitos assuntos não entendo,mais e um baú de informações incrível o bóia,vlw pelos conteúdos

O episódio como sempre, foi excelente. Mas o “Vai ser fuder” do Júlio no início foi engraçado para caralho kkkkkkkkkk
Como relembrado o Poderoso Chefão já foi visto por mim umas 2/3 vezes, não todos da trilogia, até jogo de vídeo game do filme eu joguei bastante na adolescência. Eu conhecia a história sobre esse campeonato de Todos os Santos, mas dá visão do Burle em seu livro e nunca havia pesquisado ou preocupado saber nada mais sobre, boiei muito com o solo do Bruno, já vou buscar imagens e entrevistas de tudo sobre o campeonato.

Aquela a viagem pra Todos os Santos foi muito importante pra mim. Não consigo acreditar que lá se vão quase 25 anos do evento. Foi daqueles que mudam o curso da história. Aloha!

Esse campeonato de 1998 foi realmente um marco…
Eu me lembro até hoje do choque ao ver as fotos e filmagens das ondas do Burle, foi demais!
Mais um episódio muito bom!
Abraços!

Ainda não terminei de ouvir, estou na lista dos ouvintes que não assistiu O Poderoso Chefão, mas já está na fila pra ser assistido. Julio, parabéns pela classificação as macabíadas. Ressalto que o trecho das macabíadas foi engraçada, pelo início da conversa e depois o Bruno que se enrolou com o nome e o Julio falou que cortaria o trecho… hahahahaha

Mais um boia padrão!
Será a volta do Medina em G-Land um paralelo da do Adriano ao Flamengo em 2009, com direito a “que Deus perdoe essas pessoas ruins”?
Ouvir o Resende seria uma boa mesmo, me parece ter muita história para contar sem afetação. Lembro bem das participações dele, normalmente importantes e discretas, no Surf Adventures 1, justamente na parte de Maverick’s, e nos bons resultados em competições e premiações de ondas grandes. Nesse evento de Todos os Santos, ficou na memória Burle ensanguentado surfando numa prancha enorme e colorida.
Com relação ao Poderoso Chefão, discordo do João, para mim o melhor é o primeiro. Pelo menos o mais impactante.
Continuem com o excelente papo e indicações musicais.
Vida longa ao boia!

Abração!

PS: botem pra frente camisas, adesivos e afins. Acredito que seja outra forma de angariar recursos, além do PIX e financiamento coleto.

Pode preparar, o Boia vai inovar fazendo exatamente o que todo mundo está fazendo…
Planejamos inclusive uma viagem inédita e incrível com tradicional operadora de turismo onde os interessados poderão entrar na onda do João, surfar com a DHD novinha do Bruno e escolher o destino!
Brincadeiras a parte, os planos são ambiciosos… Primeiro os 13 ouvintes, depois o mundo!

Irado galera, mais um Bóia para a conta. Confesso que em todo programa acabo me identificando com alguma coisa, mas nesse em especial foi um dos que esse sentimento veio mais rápido. Antes mesmo da música de abertura, durante o deslize sobre oque é o Bóia, já me peguei com aquele sorriso, de quem se sente parte da coisa !
Fiquei amarradão também na ideia de um possível programa com a participação de Rodrigo Monster.
Aquele abraço virtual, para minha turma virtual preferida !!

Impressionante como vocês falam a língua e trazem memórias bem particulares da geração surf mid-70, 80 e mid-90. É muito bom reviver o antigo e viver o atual com vocês. Assunto é o que não falta. Quando o Julio “desenterrou” o documentário “Surfing Super Series” da ASP eu fiquei maluco! Eu tinha uma cópia em VHS e ela literalmente mofou! Nunca mais consegui uma cópia ou alguma menção sobre ele na web. Parabéns por todo o conteúdo e vida longa para o BOIA!!!

Boia que Julio menos falou, mas que ficou na assistência pro Bruno e João mandarem bem, como sempre bom demais ! Só pela visita do Nilton pra falar sobre o Doc do Tom Curren.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *